"Menina, você é uma camaleoa e tanto hein?"

Oiê, amadxs!
Tudo bem?

O assunto de hoje veio assim...
Depois de matizar meu cabelo pela segunda vez com uma cor que jamais pensei em tingir minhas madeixas. Enfim, aconteceu. "Bora" saber? Vem comigo...

Acredito que todxs já devem ter visto minhas fases aqui no blog (e se você não viu ainda, clica no link >> 1 ano de Big Chop - Fases). Big Chop, Scap Hair, hidrata lá e usa óleo de ricíno aqui, crescimento, entre outros... Ah! A coloração não podia ficar de fora né? Com sete meses pós BC, comprei uma água oxigenada (claro, antes olhei uns vídeos no Youtube, os quais as Youturbers iam descolorindo os cachos em casa mesmo) e, lá vai eu toda se achando que descoloriu o cabelo e realizou boa parte do seu sonho de ter cabelo loiro (fiz esse processo umas três vezes).

A primeira luzes nos cachos foi em casa, onde encorajei minha irmã puxar as mechas com a toca (Que dor! Foi um processo entre escova e prancha antes, além do processo das luzes). Em seguida, apliquei um tonalizante platinado (Quem dera ter ficado assim quase branquinho), meu cabelo ficou no final com três tonalidades: raiz escura (não queria que tocasse na mesma por medo de cair, sei lá), loiro quase perto da gema do ovo e um verde/platinado nas pontas. Ô tragédia! Foi um show de terror, mas como no final de ano fui pra praia, meu cabelo, literalmente, tinha cor de gema de ovo. Acabou férias e lá se vai o sonho de ficar loira. E o que dona moça fez? Comprou um tonalizante castanho escuro e "tacou" na juba. Amei!

Três meses depois, raiz crescida e pontas laranja feito abóbora, rs. Procurei por uma profissional porque ali já era coisa pra gente grande, se eu fosse fazer alguma coisa seria ir ao salão. E fui, resultado final impecável, exceto pelas benditas mechas castanho-abóbora (será que existe essa cor? rsrs) . Fiz esse processo por mais duas vezes e não tinha do que reclamar. O processo já não era pela toca e sim, separando mechas que seriam aplicadas o produto. Gostei! A última vez que apliquei as luzes quase platinou de vez (a cor ficou perfeita),porém, com o passar do tempo o meu cabelo foi ficando verde e cada vez mais verde. Pesquisei no google e em um site  explicava que poderia ser o sulfato de cobre (substância que tem em seus componentes a coloração azul), o qual no momento em que entra em contato com as mexas loiras, deixa o cabelo verde. Tal substância está presente tanto em produtos de shampoo, condicionador como no cloro da piscina. Inclusive ouvi casos de pessoas que os raios solares também influência (eu sempre achei que deixava mais amarelado).
Foto: Arquivo Pessoal - Cabelo com terceira aplicação das luzes na primeira semana

Foto: Arquivo Pessoal - Cabelo com terceira aplicação das luzes na segunda semana (nessa semana já estava ficando verde)
Dois meses depois, fui no mercado perto da rua da minha casa para comprar um tonalizante. Queria loiro só para tirar a parte "Hulk" que me perseguia, mesmo depois de ter lavado as madeixas com suco de tomate (eca!). Olhei todos os tonalizantes, mas só tinha loiro natural ou platinado, mas depois da experiência que tive, não queria passar por aquilo de novo. Então, fui em outro supermercado, praticamente, na esquina da minha casa, só tinha loiro natural e o vermelho borgonha. Eu quero esse! Tava decidido, mas... vou ver primeiro o que mãe acha rs. Fui correndo em casa, perguntei a mãe o que ela achava de eu ter cabelo vermelho e ela me apoiou (mesmo gostando muito mais do loiro esverdeado estilo Hulk no salão de beleza). Comprei duas caixas, Gi (minha irmã) aplicou e pá, ameiiiiiiiiiiiii!
Foto: Arquivo Pessoal - Cabelo ruivo com coloração borgonha/marsala
Bom, depois de relatar todo esse processo, o que eu gostaria mesmo de dizer é que mudar é sempre bom, principalmente quando nos faz sentir bem consigo mesmo. Vale ressaltar que ninguém muda do dia pra noite, mesmo que seja só fisicamente. Não estou aqui dizendo que você TEM que mudar para se sentir bem e feliz. Mas quando decidimos entrar na Transição Capilar tudo em nós e ao nosso redor vira de cabeça para baixo. Segundo Flávio Henrique,"uma mudança no visual sempre é bem vinda, ainda mais quando é seguida de um enorme espanto". E quem não fica espantado com toda essa tranformação? Entrar nesse processo mudou as minhas perspectivas sobre mim mesma, sobre como me visto e até quando me olho no espelho sem maquiagem... No final, tenho orgulho de quem me tornei e das melhores experiências que Deus me proporcionou. Como uma casa, me construo e reconstruo ao atravessar os meus medos, receios, dores e perdas. "Quando olho pra trás vejo o cuidado de Deus" em todos os detalhes. 

É isso!

p.s.: antes de colorir ou descolorir procure por uma opinião profissional. 


Espero te ver por aqui novamente...
Que Deus te abençõe. Até mais!
Abraços 

5 dicas para cuidar dos cachos em dias quentes

Olá amores!
Tudo bom?

Chegou a primavera aqui em Feira de Santana - BA. Na verdade, parece que pulamos direto para o verão. Diante disso, o assunto de hoje é sobre cuidados com os cachos em dias quentes, principalmente, quando vamos à praia/piscina. O sol não brinca em serviço, então todo cuidado é pouco. Sabemos que o calor provoca frizz e ressecamento nos fios. Pensando nisso, separei 5 dicas que vão te ajudar no seu dia a dia. Pega o caderno, chama a(s) azamig@(s) e anota tudo.
Foto (0): Google Imagens
Foto (1): Google Imagens
Dica (1) Beba muita água e tenha uma boa alimentação. É preciso cuidar do cabelo de dentro pra fora, se você não bebe muita água e não tem uma boa alimentação, é claro que de alguma forma o seu cabelo vai sofrer, assim como outras partes do corpo (unhas, pele e etc).
• Separe uma garrafa de 500 ml encha com água e sempre vá bebendo até o fim, quando terminar encha de novo. Se você fazer isso 4 vezes ao dia estará bebendo 2 litros de água.
Foto (2): Google Imagens
Dica (2) Lave o seu cabelo com água fria, pois evita o frizz e também o ressecamento. Nesse caso, evite também lavar frequentemente com shampoo que faça limpeza profunda, pois resseca ainda mais os fios.
Foto (3): Google Imagens
Dica (3) Use creme de pentear que traga oleosidade para seu cabelo, assim como umidificador também.
• Por exemplo: Hummidus (um dos meus cremes preferido)
Foto (4): Arquivo Pessoal - Cronograma Capilar Oficial (serve para todos os tipos de cabelo)
Dica (4) Hidrate bastante. Nesse caso, você pode montar seu cronograma capilar especifico ou usar o Oficial, abusando da hidratação com frutas e reposição de óleos - umectação, além da reconstrução.
Foto (5): Google Imagens
Dica (5) Aposente o secador em casos desnecessários. Deixe o seu cabelo secar naturalmente, exceto quando houver algum emprevisto.
• Você pode usar toalhas de algodão que retém água e auxilia bastante quando o assunto é secar o cabelo. 
Foto: Arquivo Pessoal: meu primeiro mês depois do BC - 01/01/2015
Reflexão:
"O discípulo [...] que for bem preparado será como o seu mestre." Lucas 6:40, Bíblia Sagrada

Espero que tenha gostado,
Abraço 
R.


[vídeo] Make simples para pele negra ✨

Oii queridas!
Tudo bem com vocês?

Proposta do vídeo de hoje foi trazer uma make simples e super usável para ir a universidade, trabalho ou algum evento, seja de dia ou a noite.



Passo a Passo

- Já começo o vídeo com as sombrancelhas corrigidas (Quarteto de sombras p/ sombracelha da Ruby Rose + pincel chanfrado Ricca);
- Com pincel de esfumar (Vult), aplico uma sombra marrom fosca (Duo de sombras esfumarado Quem disse Berenice?), em movimentos circulares e de vai-e-vem;
- Aplico máscara de cílios (The Colossal Maybelline);
- Em seguida, pego o corretivo (marrom claro Natura Aquarela)e aplico por todo o rosto com a esponja (Hello Mini) em pontos estratégicos (olheiras, zona T e espinhas);
- Para matificar (Pó matificante bege médio Eudora Soul + pincél de pó Eudora);
- Contorno (Sombra opaca bombom + pincel chanfrado, ambos Yes Cosmetics);
- Para abrir o olhar lápis bege na linha d'água (Nude Eudora Soul);
- Em seguida, pincel pequeno e reto (Macrilan) com a sombra marrom (Quem disse Berenice?) rente aos cílios inferiores;
- Para finalizar, mistura de dois batons:batom marrom escuro matte (pão de mel Yes Cosmetics) + nude (cappuccino Avon).

Espero que tenha gostado, não esqueça de deixar o seu joinha e de se inscrever no canal, até o próximo vídeo! R.

"Tomara que meus cachos não sejam tipo 4"

Foto: Reprodução do Google Imagens
Oi querid@s!
Tudo bem com vocês?

O assunto de hoje é muito comum entre @s cresp@s e cachead@s que estão em Transição ou que já passaram pelo BC (Big Chop).

É difícil ver alguém que está passando pela Transição sonhar em ter o cabelo tipo 4, "sem definição", como dizem. Todos e todas preferem o cabelo de fulana, porque é o tão sonhado cabelo cacheado-perfeito. Tá duvidando? Pergunte a qualquer pessoa em Transição Capilar pra você ver.

Lutamos e perseveramos tanto na Transição Capilar para ter o cabelo natural, saindo da ditadura do cabelo liso, para no fim, entrarmos em outra ditadura? Que lógica isso tem, me explica? Olhando por um lado, até tem uma lógica (essa é a minha visão, tá?!); quando fazemos o BC, o couro cabeludo começa exigir, praticamente, mais química - esse processo é chamado de Scap Hair. Esse estranho processo acontece durante a Transição Capilar, especificamente, na raiz. Mas, é pós o BC que as pessoas enfrentam problemas de porosidade, ressecamento e até sumiço dos cachos. Colocando na questão da ditadura, saímos da ditadura do liso, passamos pelo BC e o psicológico já pede outra, ou seja, a ditadura dos cachos-perfeitos.

Passei por uma situação, das diversas que já passei, foi a que mais me chocou; ouvi uma pessoa dizer que tinha medo do seu cabelo ser tipo 4, pois o mesmo não fica definido. Fiquei abismada!! Como assim, não define? Tanto crespo, quanto cacheado ou encaracolado tem definição, claro que cada um com as suas particularidades. É contraditório entrar na Transição já pensando em "cachos-perfeitos", isso não existe. Não tem cabelo melhor ou pior, no final das contas dá no mesmo, já que "a terra não come", como falam os mais velhos.

Ei, você mesmo que está na Transição, pare de imaginar o cabelo que não é seu. Pare de criar um cabelo utópico - o cabelo dos "seus sonhos". Busque cuidar do seu cabelo, independente de qual seja o tipo do seus cachos, em vez de idealizar o "duzotros". Seu cabelo é lindo! Crespo ou não, seu cabelo não é nem pior, nem melhor. Pare de criar fantasias e evite de passar por uma frustração pós BC.

É isso. Você já passou por algo parecido ou ficou frustrad@ com o resultado pós BC? Conta a sua história aqui nos comentários.

Até a próxima!
R.